espaço pra todo mundo
vamos parar de julgar.
Uma ferida aberta que acorda com o toque de suas mãos. A mesma história sem memória… Nunca me lembrei de esquecer.”
RBD
E ninguém pode adivinhar o que o coração quer, muito menos pode controlar ou evitar a perda da ilusão.”
RBD
Um suspiro fugaz, mágico e subliminar… Fui, talvez, olhar você e logo eu te amei.”
RBD
Não vá da minha vida, me deixe ficar com você. Um momento atrás, eu me apaixonei. Não vá ainda, eu não posso definir, mas só agora eu me apaixonei. Um instante iluminou meu coração.”
RBD
Ao me perder em seu olhar algo aconteceu… Milagrosamente a madrugada começou a se encher de cor, enquanto a lua se escondeu.”
RBD
Tudo que é meu leva seu nome, te sinto tão perto de mim. Me queima este frio, não encontro o remédio… Estando contigo me mata, e sem você eu morro. Sem você me desespero, me dói aceitar que nosso amor não será eterno. Me afoga o silêncio em um mar de lembranças. Queria gritar, mas me falta fôlego. E não bastou te querer sem medida, e a vida nos separou, eterno ladrão dos meus dias… Quando era mais sua que minha. Em minhas alegrias, seu sorriso faz falta… Meus lábios perguntam por você. Por você eu morro, por você me desespero. Me dói aceitar que nosso amor não será eterno. Me afoga o silêncio em um mar de lembranças. Queria gritar, mas me falta o folego. Talvez não encontro coragem para te dizer adeus e te perder pra sempre sem explicação. Abrir minhas asas ao vento para estender voo, esquecer que te amo e te deixar ir.”
RBD
E não quero esquecer-te, não posso apagar minha memoria. Não posso esquecer-te, não posso apagar nossa história. Não quero tirar do meu coração o vibrar de sua voz que me aferra ao teu amor. Junto a você, hoje daria tudo para sentir suas caricias mornas, e jamais permitir que vá se afastar.”
RBD
Já não quero isto… Isso que fere e que me afunda no silêncio. Penso nos dias em que você estava aqui dentro, não encontro nada que supere nossos tempos, nada se compara a você.”
RBD
Já não quero isso… Isso que sinto, que me dói até os ossos, este vazio que consome por dentro. Nunca pensei que sofreria sem seus beijos, sem o toque de sua pele. Toda esta lembrança que vai matando desde que te foste longe, e hoje vou costurando a tristeza de meus sonhos… Como queria me desprender deste corpo, acordar sem este ontem. Não tenho sorte, esteja onde estiver, e com quem eu estiver, aparece você… Está em meu ser.”
RBD
Você não me imaginou, sem você, feliz… Mas, eu te juro que gosto de estar assim, sem ninguém que me venha e que vai me abandonar. Como você pode achar que poderei te amar de novo? Não te escuto mas, se quiser, continue falando e vá embora andando até que esteja longe… Bem longe de mim. Por mais que queira, já não pertence a você o meu coração.”
RBD
Nunca esquecerei a dor que, por amor a você, sofri. Apesar de tudo, eu nunca te conheci. Não estiveste satisfeito nem com tudo o que dei, prefiro agora estar sozinha. E você? Quem pensa que é, se o melhor de mim você nunca gostou?”
RBD
Sigo dentro de seu coração, nas frases de qualquer canção. Sigo percorrendo todo seu interior.”
RBD
Em qualquer momento, a beira de algum beijo, vai esbarrar em mim sem querer… Para descobrir de novo que não há nada que enche de lembranças. Tarde ou cedo, sem saber como nem quando, uma lágrima te fará sentir saudade lentamente da ternura de um abraço, do suspiro de meu nome entre seus lábios. Para se esquecer de mim, para se esquecer de mim teria que renunciar a todo o amor que te dei. Para se esquecer de mim, para se esquecer de mim precisa voltar a nascer. Um desses dias, no lugar das carícias, voltará de novo a melancolia para te dar a noticia que não me esqueceu ainda.”
RBD
Não faltava entre você e eu uma palavra. Nunca existiu a distância, éramos um só, nós dois. Sempre havia a conexão de olhares para dizer ”amor”. Porque, se o mundo girava ao nosso favor, parou acabando com tudo? E agora chove em meu coração, dói saber que estou só, sem seu amor. Porque fica esta realidade, tudo saiu mal, quero voltar a estar sendo um só… Nós dois. Você completava o que me faltava, que você também encontrava, e éramos um só, nós dois. Sempre havia a conexão de olhares para dizer ”amor”.”
RBD
O vento se acalmou e a chuva se foi… Se foi com o brilho do sol na sua pele. E foi nesse instante em que cruzei com você, e foi no seu olhar que voltei a nascer. Desde os seus braços tudo ao redor se vê diferente. Você muda a cor em cada canto do meu coração, preciso de você. Um pouco de você basta para acordar para a realidade, porque nada se aproxima ao que você me dá… Toma um pouco de mim e se deixe levar, sem pensar, sem olhar que há um mundo atrás. É fácil dizer quando é verdade, você abre meu céu e me ensina a amar. Você trouxe a Lua para a beira do Mar, você tremeu meu chão como ninguém mais.”
RBD